segunda-feira, 14 de fevereiro de 2011

Direto do UOL... Esse portal ainda acaba comigo hj....

"Cientistas australianos desenvolveram uma espécie de "touca do pensamento", um dispositivo que usa minúsculos pulsos magnéticos para alterar a forma como o cérebro funciona e melhorar a criatividade. A invenção já produziu resultados notáveis, segundo os criadores. As informações são do jornal "Daily Mail".

Os pesquisadores da Universidade de Sydney usaram uma espécie de touca equipada com uma bobina magnética para estimular o lado esquerdo do cérebro. Os testes indicaram que o uso do dispositivo melhorou a capacidade artística e as habilidades de leitura dos usuários.

Em um experimento, os voluntários foram convidados a desenhar um cão, cavalo ou o rosto da memória antes e depois de receber os pulsos por dez a 15 minutos. Quatro dos 11 voluntários produziram resultados mais naturais depois de usar a touca.

Dois dos voluntários também viram erros escritos em pedaços de texto que eles tinham ignorado antes. Em um terceiro experimento, o dispositivo reforçou a capacidade dos usuários de estimar rapidamente o número de pontos mostrados na tela.

A técnica é baseada na estimulação magnética transcraniana, que já se mostrou promissora no tratamento da depressão e da esquizofrenia."

Nota do Blogueiro aqui...

Vou comentar só o finalzinho, depois vou dormir:

"A técnica é baseada na estimulação magnética transcraniana, que já se mostrou promissora no tratamento da depressão e da esquizofrenia."
 Promissora no tratamento, não quer dizer nem aprovada muito menos regulamentada, acho que existe alguma coisa estranha por aí. Mesmo porque meus caros leitores, a Esquizofrenia pode ser considerada ao meu ponto de vista um elevadíssimo surto de criatividade, sem contar que nunca foi compravada que as pessoas Psicóticas tem um cérebro diferente, apenas o que foi constatado é que eles tem um funcionamento diferente.

Sei não, acho que terapia ainda é melhor remédio pra Psicóticos, assim como uma boa leitura (não vale gibis da monica - com todo respeito ao grande Mauricio de Souza) ainda é o melhor remédio para a criatividade.

Acho que eu publiquei neste blog uma descoberta a respeito das mudanças que ocorrem em nosso cérebro conforme vamos adquirindo o hábito da leitura. Entre outras coisas algumas pesquisas tem evidenciado um grande aumaneto na capacidade de prever e resolver problemas de formas mais diversas do que as pessoas que não tem o hábito em seu cotidiano.

Último pra passar a régua:

Mas afinal (quase que parafraseando o Jorge Forbes) que raios é essa tal de criatividade?

Posso até queimar a língua, mas na boa, eu não compraria isso não. Pelo menos não enquanto eu puder ler ao menos meu jornal.

1 Clique aqui para comentários: :

Postar um comentário

 
Design by Free WordPress Themes | Bloggerized by Lasantha - Premium Blogger Themes | Grants For Single Moms